Friday, February 29, 2008

Frase do Dia

Tudo tem um sentido – o sonho é uma estrada real que conduz ao inconsciente, e pequena província no reino do simbolismo. – Sigmund Freud

Pensamento Anarquista do Dia

É absolutamente verdade que todos somos imperfeitos, ignorantes e escravos das aparências. Mas sejam quais forem os inconvenientes resultantes das paixões dos homens, nunca o remédio pode estar no estabelecimento de leis estáveis. Na verdade, enquanto alguém estiver envolvido na rede da obediência e estiver habituado a medir os sus passos pelos de qualquer outro, a sua razão e a sua inteligência ficarão inteiramente adormecidas.

O que há-de fazer-se para que esse alguém se levante em toda a sua força? É necessário ensiná-lo a sentir-se a si mesmo, a não aceitar nenhuma autoridade, a compreender o alcance dos sus princípios e a ter consciência dos seus actos. O bem estar de todos exige que seja este, e não o Direito, a lei da humanidade.

- Godwin

Definição do Dia

Os bons são os que se contentam em sonhar com o que os maus na realidade fazem. – Platão

Interrogação do Dia

Que me interessa a mim a química da digestão, se não deixo de comer por isso? – Obeso Desc.

Anúncio do Dia

Economista diplomado e desempregado, portanto com conhecimentos sobre o assunto, oferece os seus préstimos e dá explicações a economistas não diplomados, empregados, que se encontrem por esse facto em dificuldades inerentes à profissão que exercem. - C@nd.

Corolário de Murphy do Dia

Lei do Adesivo: Existem dois tipos de adesivo: o que não cola e o que não sai. – Arthur Bloch

Provérbio do Dia

Jura de homem é riso de cão.

Thursday, February 28, 2008

Frase do Dia

O Homem chega inexperiente a cada idade da vida. - Sébastien-Roch Chamfort

Poema do Dia


O Guardador de Rebanhos, Tomo VIII

Num meio-dia de fim de primavera

Tive um sonho como uma fotografia

Vi Jesus Cristo descer à terra.

Veio pela encosta de um monte

Tornado outra vez menino,

A correr e a rolar-se pela erva

E a arrancar flores para as deitar fora

E a rir de modo a ouvir-se ao longe.

Tinha fugido do céu.

Era nosso demais para fingir

De segunda pessoa da Trindade.

No céu era tudo falso, tudo em desacordo

Com flores e árvores e pedras.

No céu tinha que estar sempre sério

E de vez em quando de se tornar outra vez homem

E subir para a cruz, e estar sempre a morrer

Com uma coroa toda à roda de espinhos

E os pés espetados por um prego com cabeça,

E até com um trapo à roda da cintura

Como os pretos nas ilustrações.

Nem sequer o deixavam ter pai e mãe

Como as outras crianças.

O seu pai era duas pessoas...

Um velho chamado José, que era carpinteiro,

E que não era pai dele;

E o outro pai era uma pomba estúpida,

A única pomba feia do mundo

Porque não era do mundo nem era pomba.

E a sua mãe não tinha amado antes de o ter.

Não era mulher: era uma mala

Em que ele tinha vindo do céu.

E queriam que ele, que só nascera da mãe,

E nunca tivera pai para amar com respeito,

Pregasse a bondade e a justiça!

Um dia que Deus estava a dormir

E o Espírito Santo andava a voar,

Ele foi à caixa dos milagres e roubou três.

Com o primeiro fez que ninguém soubesse que ele tinha fugido.

Com o segundo criou-se eternamente humano e menino.

Com o terceiro criou um Cristo eternamente na cruz

E deixou-o pregado na cruz que há no céu

E serve de modelo às outras.

Depois fugiu para o sol

E desceu pelo primeiro raio que apanhou.

Hoje vive na minha aldeia comigo.

É uma criança bonita de riso natural.

Limpa o nariz ao braço direito,

Chapinha nas poças de água,

Colhe as flores e gosta delas e esquece-as.

Atira pedras aos burros,

Rouba a fruta dos pomares

E foge a chorar e a gritar dos cães,

E, porque sabe que elas não gostam

E que toda a gente acha graça,

Corre atrás das raparigas

Que vão em rancho pelas estradas

Com as bilhas às cabeças

E levanta-lhes as saias.

A mim ensinou-me tudo.

Ensinou-me a olhar para as coisas.

Aponta-me todas as coisas que há nas flores.

Mostra-me como as pedras são engraçadas

Quando a gente as tem na mão

E olha devagar para elas.

Diz-me muito mal de Deus.

Diz que ele é um velho estúpido e doente,

Sempre a escarrar no chão

E a dizer indecências.

A Virgem Maria leva as tardes da eternidade a fazer meia.

E o Espírito Santo coça-se com o bico

E empoleira-se nas cadeiras e suja-as.

Tudo no céu é estúpido como a Igreja Católica.

Diz-me que Deus não percebe nada

Das coisas que criou -

«Se é que ele as criou, do que duvido» -.

«Ele diz, por exemplo, que os seres cantam a sua glória,

Mas os seres não cantam nada.

Se cantassem seriam cantores.

Os seres existem e mais nada,

E por isso se chamam seres».

E depois, cansado de dizer mal de Deus,

O Menino Jesus adormece nos meus braços

E eu levo-o ao colo para casa.

..................................................................

Ele mora comigo na minha casa a meio do outeiro.

Ele é a Eterna Criança, o deus que faltava,

Ele é o humano que é natural,

Ele é o divino que sorri e que brinca.

E por isso é que sei com toda a certeza

Que ele é o Menino Jesus verdadeiro.

E a criança tão humana que é divina

É esta minha quotidiana vida de poeta,

E é porque ele anda sempre comigo que eu sou poeta sempre,

E que o meu mínimo olhar

Me enche de sensação,

E o mais pequeno som, seja do que for,

Parece falar comigo.

A Criança Nova que habita onde vivo

Dá-me uma mão a mim

E a outra a tudo que existe

E assim vamos os três pelo caminho que houver,

Saltando e cantando e rindo

E gozando o nosso segredo comum

Que é o de saber por toda a parte

Que não há mistério no mundo

E que tudo vale a pena.

A Criança Eterna acompanha-me sempre.

A direcção do meu olhar é o seu dedo apontando.

O meu ouvido atento alegremente a todos os sons

São as cócegas que ele me faz, brincando, nas orelhas.

Damo-nos tão bem um com o outro

Na companhia de tudo

Que nunca pensamos um no outro,

Mas vivemos juntos e dois

Com um acordo íntimo

Como a mão direita e a esquerda.

Ao anoitecer brincamos as cinco pedrinhas

No degrau da porta de casa,

Graves como convém a um deus e a um poeta,

E como se cada pedra

Fosse todo o universo

E fosse por isso um grande perigo para ela

Deixá-la cair no chão.

Depois eu conto-lhe histórias das cousas só dos homens

E ele sorri, porque tudo é incrível.

Ri dos reis e dos que não são reis,

E tem pena de ouvir falar das guerras,

E dos comércios, e dos navios

Que ficam fumo no ar dos altos-mares.

Porque ele sabe que tudo isso falta àquela verdade

Que uma flor tem ao florescer

E que anda com a luz do sol

A variar os montes e os vales

E a fazer doer aos olhos os muros caiados.

Depois ele adormece e eu deito-o.

Levo-o ao colo para dentro de casa

E deito-o, despindo-o lentamente

E como seguindo um ritual muito limpo

E todo materno até ele estar nu.

Ele dorme dentro da minha alma

E às vezes acorda de noite

E brinca com os meus sonhos

Vira uns em cima dos outros

E bate as palmas sozinho

Sorrindo para o meu sono.

........................................................

Quando eu morrer, filhinho,

Seja eu a criança, o mais pequeno.

Pega-me tu ao colo

E leva-me para dentro da tua casa.

Despe o meu ser cansado e humano

E deita-me na tua cama.

E conta-me histórias, caso eu acorde,

Para eu tornar a adormecer.

E dá-me sonhos teus para eu brincar

Até que nasça qualquer dia

Que tu sabes qual é.

.........................................................

Esta é a história do meu Menino Jesus.

Por que razão que se perceba

Não há-de ser ela mais verdadeira

Que tudo quanto os filósofos pensam

E tudo quanto as religiões ensinam?


- Alberto Caeiro (Fernando Pessoa)

Definição do Dia

Zoomorfismo: acto de designar ou conceder singularidades animais a pessoas ou instituições humanas. – A. D.

Slogan Anarco-Instrutório do Dia

Se um dia de manhã encontrares a certeza à tua frente, isso basta-te: morre à tarde. – C@nd.

Humor Machista Básico do Dia

Uma das vantagens de ter uma gaja é a de um gajo nunca perder guarda-chuvas. - Tony

Provérbio do Dia

Impossível é ensinar rato a subir de costas em garrafa. (Provérbio Brasileiro)

Wednesday, February 27, 2008

Frase do Dia

Este é o meu caminho, onde está o teu? – Assim respondi eu àqueles que me perguntaram o caminho. Porque o caminho não existe! – Friederich Nietzche

Manifesto do Dia

Hino à Maldição

Pois bem, visto que sons doces e conhecidos me arrancaram ao horror das minhas sensações, oferecendo-me, com a imagem dos tempos mais alegres, as suaves impressões da minha infância, amaldiçôo tudo o que a alma rodeia de atractivos e prestígios, tudo o que, nestas tristes moradas, ela cobre de brilho e de mentira!

Maldita seja, em primeiro lugar, a alta opinião com que o espírito a si mesmo se embriaga!

Maldito seja o esplendor das aparências vãs que põem cerco aos nossos sentidos!

Maldito seja o que nos seduz nos sonhos, ilusões de glória e de imortalidade!

Malditos sejam todos os objectos cuja posse nos orgulha, mulher ou criança, criado ou charrua!

Maldita seja a Fortuna, quando, com o engodo dos seus tesouros, nos impele para empresas audaciosas, ou quando, para gozos ociosos, nos cerca de voluptuosos coxins!

Maldita seja toda a exaltação do amor!

Maldita seja a esperança!

Maldita a fé, e maldita, acima de tudo, a paciência!

- Johann Wolfgang von Göethe

Instrução do Dia

Veja tudo, deixe passar muita coisa, corrija um pouco. - João XXIII

Piada Loiraça do Dia

Senhores tele-espectadores, pedimos deculpa por esta interrupção, creiam que lamentamos imenso. Se devido à avaria, desligaram os Vossos televisores e não os voltaram a ligar ainda, façam-no agora, que o programa segue desde há momentos. - Loira Desc.

Provérbio do Dia

Hoje por mim, amanhã por ti. — Hodie mihi, cras tibi.

Tuesday, February 26, 2008

Frase do Dia

Há quedas que servem de ponto de partida para subir mais alto. – William Shakespeare

Poema do Dia


De Tarde


Naquele pique-nique de burguesas,

Houve uma coisa simplesmente bela,

E que, sem ter história nem grandezas,

Em todo o caso dava uma aguarela.

Foi quando tu, descendo do burrico,

Foste colher, sem imposturas tolas,

A um granzoal azul de grão-de-bico

Um ramalhete rubro de papoulas.

Pouco depois, em cima duns penhascos,

Nós acampámos, inda o Sol se via;

E houve talhadas de melão, damascos,

E pão-de-ló molhado em malvasia.

Mas, todo púrpuro a sair da renda

Dos teus dois seios como duas rolas,

Era o supremo encanto da merenda

O ramalhete rubro das papoulas!


- Cesário Verde

Instrução Negocial do Dia

Numa situação de conflito em que o adversário, atingido ocasionalmente no seu sentimento de auto-estima, reage tentando se superiorizar, se não lutarmos por reafirmar a própria grandeza, damos uma sensação real de sermos maiores do que se procurarmos demonstrá-la com comportamentos defensivos. Esta impressão é tão forte que retira ao outro a vontade de tentar superá-la. - Vera F. Birkenbihl

Comentário do Dia

Um homem nunca será demasiado cauteloso na escolha dos seus amigos. – Óscar Wilde

Semelhança e Diferença Machistas do Dia

A semelhança que há entre uma bicicleta e uma mulher é que ambas se montam. Mas há uma diferença: uma bicicleta primeiro enche-se, depois monta-se. Uma mulher, primeiro monta-se, depois enche – C@r@p@u

Provérbio do Dia

Grande pedra, pequena pedra, três homens à volta dela.

Monday, February 25, 2008

Frase do Dia

É impossível estabelecer uma relação directa entre uma sociedade e os artistas que a ilustram. – Emílio Hennequin

Pensamento Perigosamente Anarco-Subversivo do Dia

Quem tiver a força é superior às leis. Eu creio que a Terra pertence a quem a saiba tomar ou a quem não deixe que lha arrebatem. Se alguém se apoderar da Terra e a fizar sua, terá não somente a Terra mas ainda o direito de a possuir. Este é o direito egoísta que posso formular nestas palavras: QUERO, LOGO É JUSTO.

O bem individual exige que no futuro a lei dirigente do indivíduo seja não o Direito, mas o próprio indivíduo. Cada um de nós é único, é por si uma história do mundo e, desde que cada um de nós se reconheça único, é proprietário. Deus e a humanidade só basearam a sua causa em si, logo eu basearei também a minha causa em mim; precisamente como Deus, eu sou a negação de tudo o mais, eu sou tudo para mim, sou o único. Mal haja, pois, toda a causa que não seja inteiramente minha!

A minha causa, direis vós, deveria ser, pelo menos, a boa causa. Mas o que é que é bom, o que é que é mau? Eu sou a minha causa, e eu não sou nem bom nem mau, porque tudo isso para mim não passa de palavras. O divino considera Deus, a humanidade, o homem. A minha causa não é divina nem humana, não é a verdade, nem é o bem, nem o justo, nem o livre, é… o meu; não é geral, mas única, porque eu também sou único. Acima de mim, nada existe para mim. (…)

Que diferença não há entre liberdade e individualidade! Eu sou livre relativamente ao que já não tenho; sou proprietário do que está em meu poder, ou daquilo de que sou capaz. A minha liberdade só é completa quando é potencialidade minha; só graças a esta é que deixo de ser simplesmente livre, para ser um indivíduo e um possuidor. Se uma só vez que fosse, vos acontecesse o verdes claramente que Deus, a lei, etc., apenas vos prejudicavam, vos deprimiam e corrompiam, é fora de dúvida que o repeliríeis para bem longe de vós, como outrora os cristãos derrubaram as imagens de Apolo, de Minerva e a moral pagã. (…)

A força é uma bela coisa, útil em muitos casos, porquanto conseguimos mais com a mão cheia de força do que com um saco a transbordar de Direito. Aspirais à liberdade! Que loucos sois! Tende força, que a liberdade virá… Vede bem: o que tem força é superior às leis! Por acaso esta observação, oh homens de lei, está ao vosso gosto? Que importa, se vós não tendes gosto!


– Max Stirner

Instrução do Dia

Olhem para a direita e para a esquerda. O auto-conhecimento tem origem nas experiências do dia-a-dia. – Confúcio.

Definição Comunicativa do Dia

Verdadeiro não é aquilo que se diz. Verdadeiro é o que o outro sente. – Vera F. Birkenbihl, em “A Arte da Comunicação”.

Interrogação do Dia

Se eu estivesse ligado, hoje e sempre, à minha vontade de ontem, a minha vontade estaria imobilizada, paralisada. A minha criação, um acto da minha vontade determinada, far-se-ia meu senhor. Porque ontem era um tresloucado, deverei sê-lo toda a vida? - Tucker

Slogan Anarquista do Dia

A única coisa incontestável é que se deve contestar. – C@nd.

Provérbio do Dia

Fartura faz bravura. — Ferociam sacietas parit.

Friday, February 22, 2008

Frase do Dia

Os bons líderes necessitam de um sonho saudável, de um código moral sólido, de modelos de comportamento desconcertantes e de uma intensa devoção ao seu trabalho. - Joseph L. Badaracco, Jr.

Poema do Dia


A VARINA


Lá na Ribeira Nova

onde nasce Lisboa inteira

na manhã de cada dia

há uma varina

e se não fosse ela

ai não sei

não sei que seria de mim!

Por ela

fiz dois versos a todas as varinas:

E vós varinas que sabeis a sal

e trazeis o mar no vosso avental!

Acho parecidos estes versos

com as varinas de Portugal.


Uma vez falei-lhe

para ouvi-la

e vê-la

ao pé.

A voz saborosa

os olhos de variar

castanhos de variar

castanhos-escuros de variar

com reflexos de variar

desde o rosa

até o verde

desde o verde

até o mar.


Num reflexo refleti:

não dar aquele destino

ao meu destino daqui.


- José de Almada Negreiros


Dissonância Cognitiva do Dia

- Vais à pesca?

- Não, que ideia, é claro que vou à pesca!

- Ah, julgava que ias à pesca!...

- Tony

Definição Anarquista do Dia

O homem é um produto de muitas influências que, quanto mais independentes entre si, mais o transformam num homem livre. – C@nd.

Provérbio do Dia

Em terra de cegos, quem tem um olho é rei. — Beati monoculi in terra caecorum.

Thursday, February 21, 2008

Frase do Dia

Uma mulher conhece-se pela sua maneira de rir. Se, logo num primeiro encontro, uma desconhecida se ri de modo agradável, é porque tem um fundo excelente. - Dostoievski

Humor Machista do Dia

Certa vez um rapaz foi à procura do Mestre para descobrir o caminho do coração de uma certa mulher.

- Ó Mestre dos Mestres! Qual o caminho mais curto para o coração de uma mulher?

- Não há caminho seguro. Só trilhos à beira de penhascos e caminhos sem mapas ou bússolas ladeados por serpentes...

- Mas, então... O que devo fazer para conquistar o coração da minha amada?
Então disse-lhe, o grande Guru:

- Oh aplicado discípulo. Guarda bem os mandamentos que agora te vou dizer...

  • Não coces os ditos na frente dela;
  • Não cuspas para o chão;
  • Escova os dentes;
  • Não resolvas tudo com ignorância;
  • Usa perfume;
  • Oferece flores e muito... muito ouro;
  • Levanta a tampa da sanita antes de urinar;
  • Lava as mãos quando saíres da casa de banho;
  • Não mastigues de boca aberta;
  • Não arrotes alto. Aliás, não arrotes;
  • Não te peides debaixo dos cobertores. Aliás, não te peides...;
  • Não palites os dentes em público;
  • Puxa o autoclismo antes de sair da casa de banho;
  • Corta e limpa as unhas. Não comas as unhas;
  • Não digas mal da mãe dela- Melhor, AMA a mãe dela;
  • Usa desodorizante (que preste);
  • Não digas palavrões;
  • Não fiques barrigudo;
  • Não te sentes à mesa sem camisa;
  • Não digas que as mulheres não sabem conduzir (guarda esta verdade para ti);
  • Não digas que os homens são mais inteligentes que as mulheres (elas não vão entender);
  • Gosta de novelas, até mesmo as mexicanas;
  • Lava as tuas cuecas;
  • Não chegues tarde a casa. Aliás, sai só para trabalhar;
  • Não bebas até tarde com os teus amigos. Aliás, não tenhas amigos, nem penses em amigas;
  • Não sejas forreta, usa dois cartões de crédito;
  • Não olhes para outras mulheres. Aliás, não existem outras mulheres;
  • Não fales da tua ex-namorada. Nem tiveste nenhuma antes dela;
  • Não comentes as tuas experiências sexuais. Aliás eras virgem, lembras-te?
  • Diz "Eu amo-te" pelo menos 24 vezes por dia;
  • Telefona-lhe sempre, de qualquer sítio;
  • Nunca a convides para f--er, só para fazer amor;
  • E faz isso com moderação e cuidado redobrado;
  • Discute sempre o relacionamento, mesmo que não haja nada para discutir;
  • Não ronques;
  • Não gostes de futebol;
  • Apaixona-te pelos parentes dela, até mesmo os chatos;
  • Trabalha pouco e ganha muito dinheiro. Dá-lho todo;
  • Diz a todo o momento que ela é a mulher mais linda que já viste.

Resumindo meu filho... D E S I S T E !!!

- A. D.


(gentilmente enviado pelo meu estimado colega e amigo, Pedro Rios)

Definição do Dia

O absurdo é ao mesmo tempo um estado de facto e a consciência lúcida que certas pessoas tomam desse estado. – Camus, em “Interpretação Existencialista”.

Argumento Rebuscado do Dia

Quem pensa que tem razão é sempre o burro que fala, e que diz: quando um burro fala, os outros abaixam as orelhas. – C@nd.

Provérbio do Dia

Dádivas quebrantam penhas. — Muneribus vel Dii capiuntur.

Wednesday, February 20, 2008

Frase do Dia

É naquilo que a nossa natureza tem de selvagem que nos refazemos da nossa preversidade, ou seja, da nossa espiritualidade. – Friederich Nietzche

Pensamento do Dia

E eu pus-me a pensar na força gregária que tem o mar. Na força gregária que tem, afinal, qualquer poder hostil. A pensar que, por desgraça, na vida, os homens raramente se dão as mãos como o fazem as crianças. Que só enterrados até metade no enigma de um perigo, que num segundo os pode engolir a todos, se abraçam.

– Miguel Torga

Anarquismo do Dia

Se o pobre é pobre, o problema é dele. Se o rico é rico, problema dele: pire-se se puder. Esta é uma máxima do anarco-sindicalismo. – C@nd.

Etiqueta do Dia

Para substituir a bondade que nos falta inventámos a delicadeza, que a substitui nas aparências. – H. de Lévis

Provérbio do Dia

O comer e o coçar, tudo vai do começar. — Incipis invitus cessasque invitus ab esu.

Tuesday, February 19, 2008

Frase do Dia

Ninguém é livre se não tem o domínio de si mesmo. – Pitágoras

Poema do Dia


Os Portíadas
, CANTO PRIMEIRO

1

A fama dos Dragões assinalados
Que desta Mui Nobre, Invicta e Leal,
Em estádios nunca antes disputados
Jogaram p'ra ganhar cada final,
E em torneios e jogos esforçados
Mais do que era sonhado em Portugal,
Entre gente remota conquistaram
Nova glória, que tanto sublimaram;

2

E também as memórias gloriosas
De oitenta e sete, aí principiando
Nova Era, e as terras viciosas
Que de Espanha ao Japão foram domando,
E aqueles que por obras valerosas
Se vão da lei da Imprensa libertando,
Cantando espalharei por toda parte,
Se a tanto me ajudar o engenho e arte.

3

Cessem da pantera e mais felinos
As deambulações grandes que fizeram;
Cale-se dos tais cinco violinos
A fama das vitórias que tiveram;
Que eu canto o peito ilustre dos meninos
A quem Manchester e Real obedeceram!
Cesse tudo o que Record e Bola cantam,
Que outros valores mais alto se alevantam!




Só para recordar:

O F. C. Porto tem mais títulos internacionais oficiais que todos os outros clubes portugueses juntos!

BIBÓ PUORTO, carago!!!!



(gentimente enviado pelo meu estimado colega e amigo, Manuel Figueiredo)

Humor Sexista do Dia

Há duas tragédias na vida: A primeira é não conseguir o que o coração deseja. A segunda é conseguir o que o coração deseja. – Bernard Shaw

Slogan Anarquista do Dia

O teu papel, a curto prazo: integração na conjuntura; a longo prazo: desintegração da conjuntura. – C@nd.

Provérbio do Dia

Brigas de namorados, amores renovados. — Amantium irae amores integratio sunt.

Monday, February 18, 2008

Desgoverno do Dia

-

video

- A. D.

Historia de Portugal

... em sete minutos e dezassete segundos!

Frase do Dia

Todas as conclusões são válidas até aparecer a ocasião que as refute. – A. D.

Princípios do Dia


Princípios do Comportamento


Princípio da Constância: o instrumento psíquico tende a manter em grau tão baixo quanto possível, ou pelo menos em nível tão constante quanto possível, a quantidade de excitação que contém. A dependência em relação a este princípio põe em jogo, ora processos de descarga, ora processos de recalcamento.

Princípo do Prazer: rege os fenómenos psíquicos.

Princípio da Realidade: criado pelos constrangimentos do mundo exterior. Os elementos conscientes submetem-se a esse reconhecimento de uma ordem imposta do exterior à realidade.

Compulsão de Repetição: a tendência para a repetição permite adquirir uma espécie de domínio sobre a emoção que a cria (mobilizadora, em geral, de uma forte quantidade de energia).

- Sigmund Freud

Argumento Anarquista do Dia

Eu disse: “As mulheres e o dinheiro são os caminhos da perdição”. Só que depois acrescentei: Mas nós, homens fortes, resistimos imperetrívelmente à tentação de… sermos pobres e castos”. – C@nd.

Instrução Poética do Dia

Quem quer o mundo emendar por si deve começar. – H. O’Neill

Definição do Dia

A lógica é a ciência da ciência. – Joseph Dopp

Provérbio do Dia

Atrás de mim virá quem de mim bom fará. — Deterior parvum sanctificare solet.

Friday, February 15, 2008

Frase do Dia

Uma sociedade livre, como em grande parte reconhecem os teóricos da democracia, exige pessoas bem extraordinárias para funcionar. Os seus membros têm de ser notavelmente inteligentes, bem informados e suficientemente auto-disciplinados para ceder num argumento apaixonado que lhes contrarie os interesses. – Barrington Moore

Poema do Dia

Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver no Universo...
Por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer
Porque eu sou do tamanho do que vejo
E não do tamanho da minha altura...

Nas cidades a vida é mais pequena
Que aqui na minha casa no cimo deste outeiro.
Na cidade as grandes casas fecham a vista à chave,
Escondem o horizonte, empurram o nosso olhar para longe de todo o céu,
Tornam-nos pequenos porque nos tiram o que os nossos olhos nos podem dar,
E tornam-nos pobres porque a nossa única riqueza é ver.

- Alberto Caeiro (Fernando Pessoa), em "O Guardador de Rebanhos, Tomo VII"

Instrução do Dia

Se numa discussão descobres em mim um ponto fraco, começa-me atacar... por um ponto forte. – C@nd.

Definição do Dia

A tolerância política é aquele estado de espírito e condição de sociedade que permite à democracia bem formular e concretizar o ideal de pluralismo. - Robert Paul Wolff

Slogan Anarquista do Dia

Abram os olhos e não o olho...porque depois... bem depois... pode ser tarde. - GruM’s (Grupo dos Merd@s)

Provérbio do Dia

Zurros de burro não chegam aos céus.

Thursday, February 14, 2008

Frase do Dia

Isoladamente, os princípios qualificam-nos para sermos padres ou santos. Podem inspirar-nos e orientar-nos, mas é raro garantirem “a pontualidade dos combóios”. – Joseph L. Badaracco, Jr.

Poema de São Valentim de um Pescador do Dia

A Fly Fisher’s Valentine Poem

The Bait

Come live with me, and be my love,
And we will some new pleasures prove
Of golden sands, and crystal brooks,
With silken lines, and silver hooks.

There will the river whispering run
Warm’d by thy eyes, more than the Sun;
And there the enamor’d fish will stay,
Begging themselves they may betray.

When thou wilt swim in that live bath,
Each fish, which every channel hath,
Will amorously to thee swim,
Gladder to catch thee, than thou him.

If thou, to be so seen, be’st loath,
By Sun, or Moon, thou dark’nest both,
And if myself have leave to see,
I need not their light, having thee.

Let others freeze with angling reeds,
And cut their legs, with shells and weeds,
Or treacherously poor fish beset,
With strangling snare, or windowy net:

Let coarse bold hands, from slimy nest
The bedded fish in banks out-wrest,
Or curious traitors, sleavesilk flies,
Bewitch poor fishes’ wandering eyes.

For thee, thou need’st no such deceit,
For thou thyself art thine own bait;
That fish, that is not catch’d thereby, Alas, is wiser far than I.

- John Donne

Paradoxo do Dia

És um homem bom. Dedicas-te aos que te rodeiam, amas a paz, o amor, a tranquilidade; queres a felicidade e a vida e até tens quase tudo isso; não tens ambições… “Não vos preocupeis comigo que eu não me preocupo convosco. Não me chateeis, que eu não vos chateio. Laissez faire, laissez passer. Mas vejam sempre este meu lado bom!”. Tens caridade pelos fraquinhos, mas nada de inveja dos poderosos! Aliás, o dinheiro a mais só faz mal!... És honrado, recto, justo. É claro que cometes as tuas pequenas tropelias, também. A vida é para se viver, que diabo!

Olha para ti, homem bom. Adora o teu Deus, não te esqueças. Agora toma lá um biscoito e vai pr’á casota. Porta-te bem…

(…)

És um homem forte! A vida só se consegue lutando por ela. Cultivas a tua nobreza, a tua poesia. Desenvolves o teu sentimento de honra. Olhas para ti. Não tens medo de nada, haha ha haha. Ris-te do medo dos outros. Lutas! Os obstáculos que venham! Incitar-te-ão. Os problemas que apareçam! Dominá-los-ás. Apostas em ti. Só te calarás quando souberes que o que disseste está certo! Só se cala o que pode falar… És duro e lânguido. És poeta e guerreiro.

Sê e não sejas! Vê, mas não vejas! Olha para ti, homem forte. Desafio-te a venceres… e desafio-te também a verificares por ti próprio como foste influenciado por estas palavras…

- C@nd.

Humor Anarco-Juvenil do Dia

Um exercício de Física é o processo mais moderno e actualizado de nos prostituirmos. – C@nd.

Lema Poético do Dia

Eis o lema do bem-educado: quem menos atura menos é aturado. – A. D.

Provérbio do Dia

Ver, ouvir e calar. — Auribus frequentius quam lingua utere.

Wednesday, February 13, 2008

Frase do Dia

Um homem precisa de um plano, precisa de uma direcção. Se não tiver isto, não tem nada. – Louis L’Amour

Poema do Dia

DESLUMBRAMENTOS
 

Milady, é perigoso contemplá-la,

Quando passa aromática e normal,

Com seu tipo tão nobre e tão de sala,

Com seus gestos de neve e de metal.

Sem que nisso a desgoste ou desenfade,

Quantas vezes, seguindo-lhe as passadas,

Eu vejo-a, com real solenidade,

Ir impondo toilettes complicadas!…

Em si tudo me atrai como um tesoiro:

O seu ar pensativo e senhoril,

A sua voz que tem um timbre de oiro

E o seu nevado e lúcido perfil!

Ah! Como me estonteia e me fascina…

E é, na graça distinta do seu porte,

Como a Moda supérflua e feminina,

E tão alta e serena como a Morte!…

Eu ontem encontrei-a, quando vinha,

Britânica, e fazendo-me assombrar;

Grande dama fatal, sempre sozinha,

E com firmeza e música no andar!

O seu olhar possui, num jogo ardente,

Um arcanjo e um demónio a iluminá-lo;

Como um florete, fere agudamente,
E afaga como o pêlo dum regalo!

Pois bem. Conserve o gelo por esposo,

E mostre, se eu beijar-lhe as brancas mãos,

O modo diplomático e orgulhoso

Que Ana de Áustria mostrava aos cortesãos.

E enfim prossiga altiva como a Fama,

Sem sorrisos, dramática, cortante;

Que eu procuro fundir na minha chama

Seu ermo coração, como a um brilhante.

Mas cuidado, milady, não se afoite,

Que hão-de acabar os bárbaros reais;

E os povos humilhados, pela noite,

Para a vingança aguçam os punhais.

E um dia, ó flor do Luxo, nas estradas,

Sob o cetim do Azul e as andorinhas,

Eu hei-de ver errar, alucinadas,

E arrastando farrapos - as rainhas!


- Cesário Verde

Interpelação do Dia

Oh Natureza, a única Bíblia verdadeira és tu! – Guerra Junqueiro

Instrução do Dia

Para teres sucesso numa negociação integrativa, nunca comeces uma frase por: “Não, (…)”. Utiliza tácticas suaves de negação, como por exemplo: “Sim, mas (…)”. – A. D.

Provérbio do Dia

Uma andorinha não faz a primavera. — Una hirundo non facit ver.

Tuesday, February 12, 2008

Frase do Dia

Afirmo-o de uma vez para sempre, há muitas coisas que não desejo saber. A sabedoria põe limites ao próprio conhecimento. – Friederich Nietzche

Pensamento Filosófico do Dia


A Origem da Filosofia

A origem da filosofia é o espanto, a dúvida, a consciência da perdição. Em qualquer dos casos, principia por uma comoção que abala o homem, e o incita à procura de uma finalidade. (…)

Vigilância da razão, paciente e incansável, mesmo perante o que há de mais estranho e até em face do eminente malogro – eis o que é, em grande parte, a filosofia.

A multiplicidade dos modos de filosofar, as contradições e pretensões à verdade que reciprocamente se excluem não logram impedir que haja no fundo uma unidade, que ninguém possui, mas em torno da qual gravitaram sempre todos os esforços dignos de consideração: a eterna filosofia una, a “philosophia perenis”. Estamos atidos a este fundamento hstórico do nosso pensamento, se quisernmos meditar no que é essencial com a mais lúcida consciência.

– Karl Jaspers

Definição do Dia

Desilusão: Regresso à realidade. – A. D.

Anarquismo do Dia

Se sabedoria é sinónimo de sensatez prefiro ser louco. – Américo Goril@

Provérbio do Dia

Temer a morte é morrer duas vezes. — Crudelius est quam mori semper mortem timere.

Monday, February 11, 2008

Frase do Dia

Até alguém ter tido responsabilidade plena e decisiva por outrem e ter tomado decisões difíceis, é muito complicado compreender o que esta responsabilidade realmente implica. – Joseph Conrad, “O Companheiro Clandestino”.

Poema do Dia


PRIMAVERA

O sol vai esmolando os campos com bodos de oiro.

A pastorinha aquecida vai de corrida a mendigar a sombra do chorão corcunda, poeta romântico que tem paixão pla fonte.

Espreita os campos, e os campos despovoados dão-lhe licença para ficar nua. Que leves arrepios ao refrescar-se nas águas! Depois foi de vez, meteu-se no tanque e foi espojar-se na relva, a secar-se ao sol. Mas o vento, que vinha de lá das Azenhas-do-Mar, trazia pecados consigo. Sentiu desejos de dar um beijo no filho do Senhor Morgado. E lembrou-se logo do beijo da horta no dia da feira. Fechou os olhos a cegar-se do mau pensamento, mas foi lembrar-se do próprio Senhor Morgado à meia-noite ao entrar na adega. Abanou a fronte para Ihe fugir o pecado, mas foi dar consigo na sacristia a deixar o Senhor Prior a beijar-lhe a mão, e depois a testa... porque Deus é bom e perdoa tudo... e depois as faces e depois a boca e depois... fugiu... Não devia ter fugido... E agora o moleiro, lá no arraial, bailando com ela e sem querer, coitado, foi ter ao moinho ainda a bailar com ela. E lembra-se ainda — sentada na grande arca, e mãos alheias a desapertarem-Ihe as ligas e o corpete, enquanto ouve a história triste do moinho com cinquenta malfeitores... Quer lembrar-se mais, que seja pecado! quer mais recordações do moinho, mas não encontra mais.

Ah! e o boieiro quando, a guiar a junta, topou com ela e Ihe perguntou se vira por acaso uma borboleta branca, a voar a muito, uma borboleta muito bonita! Que não, que não tinha visto; mas o boieiro desconfiado foi procurando sempre, e até mesmo por debaixo dos vestidos.

Como desejava poder ir com todos!

Não sabe o que sente dentro de si que a importuna de bem-estar.

Teria a borboleta branca fugido para dentro dela?

- José de Almada Negreiros

Teoria do Dia

Teoria da Porta Trancada: Precisamos respeitar o facto de que é possível saber sem sabermos porque é que sabemos, e aceitar que – às vezes – nos saímos melhor assim. – Malcolm Gladwel

Lengalenga do Dia

Percebeu? Se não percebeu, percebesse, se não percebesse, percebera, se não percebera, percervejo.

Humor Machista do Dia

A satisfação constitui preventivo até para as constipações. Já alguma vez se constipou uma mulher que soubesse andar bem vestida? Refiro-me, é claro, a uma mulher pouco vestida. - Friederich Nietzche

Instrução do Dia

Quereis saber como se deve dar? Ponde-vos no lugar daquele que recebe. – M.me de Puisieux

Definição do Dia

A liberdade é o ar respirável da vida humana. – Victor Hugo

Provérbio do Dia

Se há-de mais tarde chorar o pai, chore agora o filho. — Melius est pueri fleant quam senes.

Friday, February 8, 2008

Frase do Dia

A tensão, o desconforto e o mal-estar podem ser valiosas ferramentas de gestão. – Joseph L. Badaracco

Pensamento do Dia

Escolhermos instintivamente aquilo que nos é prejudicial, deixarmo-nos seduzir pelos motivos desinteressados, eis a fórmula da decadência. “Não procuro o meu próprio interesse” é a parra moral que tapa uma realidade muito diferente, uma realidade fisiológica: “Já não sei qual é o meu interesse”.

É a desagregação dos instintos! Quando o homem começa a ser altruísta isto é o seu fim. Em vez de dizer ingenuamente “Já não presto para nada”, o homem decadente recorre à mentira moral e diz: “Não há nada que preste, a vida não vale nada.”

Semelhante juízo acaba por ser perigoso, pois tem uma acção contagiosa – e desponta então, no solo mórbido da sociedade, toda uma vegetação tropical de ideias, quer religiosas (…), quer filosóficas (…). E pode acontecer que essa vegetação de árvores venenosas, nascidas da podridão, envenenem a vida durante séculos, com as emanações que exalam.

– Friederich Nietzche

Insulto Machista do Dia

Calma, loucas, caluda! Se hoje é o dia do congresso nocturno das bruxas, ide depressa montar nas vossas vassouras, pois que, se assim o não fazem, elas por si mesmo voarão por esses ares; deixem em paz este respeitável descendente do deus Thor. Não há dúvida nenhuma de que estas filhas do diabo são como as suas panelas: uma vez quentes, forçoso é que chiem.

– Balzac