Friday, April 3, 2009

Poema do Dia


O Guardador de Rebanhos, Tomo XXX

Se quiserem que eu tenha um misticismo, está bem, tenho-o.
Sou místico, mas só com o corpo.
A minha alma é simples e não pensa.

O meu misticismo é não querer saber.
É viver e não pensar nisso.

Não sei o que é a Natureza: canto-a.
Vivo no cimo dum outeiro
Numa casa caiada e sozinha,
E essa é a minha definição.

- Alberto Caeiro (Fernando Pessoa)

Post a Comment